Blog do Simeão

Novidades surgem por todas as áreas, principalmente em relação a computadores, que são uma das mais modernas e úteis ferramentas. Dicas para seu melhor uso são sempre bem vindas. A toda hora temos algo novo, tanto em equipamentos e acessórios (hardware) como em programas, aplicaticos e utilitários (software), bem como em outros equipamentos. Alguns tornam-se obsoletos antes de serem lançados no mercado, dado o aparecimentos de coisas melhores.

Minha foto
Nome:
Local: Pelotas, Rio Grande do Sul, Brazil

Topógrafo desde 1959 e Eng Agrônomo desde 1967. Georreferenciamento, medições e desmembramento de imóveis, Planos cotados e projetos de lavouras de arroz, canais e barragens de terra para irrigação. Diplomado em Geomensura pelo IFSC (1ª Certificação por competência no Brasil). Desenvolvedor de mapas vetoriais e colaborador do grupo Mapear. Técnico em informática há mais de 25 anos (Windows Xp, Vista, 7, 8 e Server, redes cabeadas e sem fio). Desenvolvi programas em Clipper e Visual Basic. Treinamentos em Word, Excel, AutoCAD Civil 3D 2011-12. Técnico em Pastoreio Racional – sistema do Vanoni (Argentina). Casado - com 4 filhos(as). Hobbyes: Fotografia, Teclado (Yamaha PSR-S910), Eletrônica e GPS. Piloto civil e Rais-amador. Idiomas: Espanhol e Inglês.

segunda-feira, outubro 02, 2017

Armazenamento em Nuvem - SkyDrive, Google Drive e o Dropbox

Nosso hábito é salvar nossos arquivos de trabalho em nosso disco rígido e efetuar cópias em pen drive, cartões de memória ou HD externo.
Há pouco tempo eu fiz um restore errado usando o DriveImage XML onde indiquei a partição D: em vez da C:\ . Como resultado, apaguei todos os meus dados pessoais.
Foi a hora em que tive que testar todos os meus backups de dados. Apenas dois arquivos do Word eu não tinha a última atualização, onde perdi algumas páginas. O meu SkyDrive estava desatualizado.
É como eu sempre digo: Só existem duas categorias de usuários - os que perderam dados e os que irão perder...
Tive que refazer minhas partições, e re-instalar o Windows 10. Programas de restauração como o Recuva restauraram arquivos com erros.
A partir desse dia passei a caprichar nos meus backups de dados, usando especialmente o Second Copy 8 (ou 9 da Centered Sstems www.secondcopy.com/).
A partir do Windows 8 veio um maior destaque para o armazenamento em nuvem  - o SkyDrive, do qual falei numa postagem, anterior.
Em janeiro de 2014, a fabricante de software mudou o nome da nuvem para OneDrive, seis meses após perder uma batalha judicial contra a British Sky Broadcasting. O serviço, porém, segue funcionando. Computadores que ainda tem o SkyDrive instalado podem atualizar para o novo OneDrive.
Além da Microsoft, você conta com outros serviços, entre eles o Drive do Google, o qual permite que você acesse seu conteúdo em qualquer computador ou dispositivo móvel. No site de Dicas e Tutoriais da TechTudo, temos um passo a passo do Thiago, que ensina como utilizar esses serviços em conjunto.
As opções de armazenamento gratuito são para pequenos arquivos: O SkyDrive vai até 15 GB, o Dropbox até 20 GB enquanto que o Google Drive, até 15 GB. Não é o ideal para armazenar filmes ou fotos de alta definição, mas é ótimo para arquivos do Word e do Excel. Eu teste o uso do Drive com o vídeo de um casamento com a Maria Rita Sampaio, e tivemos que deixar o notebook ligado, pois haveria uma demora nesse upload.
Mas é excelente para arquivos compartilhados com você: Esqueça os anexos de e-mail e comece a usar essa colaboração em tempo real. Arraste qualquer conteúdo compartilhado com você para a seção Meu Google Drive para acessar o conteúdo facilmente. Veja mais na Ajuda sobre o Drive, na página www.google.com.br do Google e em https://www.dropbox.com/help/mobile. Veja o que é e como usar o Dropbox http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2012/02/como-usar-o-dropbox.html.

Como usar Google-Drive, SkyDrive e Dropbox sincronizados
Fazer backups de arquivos no SkyDrive, Google Drive e Dropbox pode ser uma ótima alternativa para manter seus dados salvos de possíveis imprevistos. Se você tem contas nesses serviços de armazenamento em nuvem, mas não sabe como sincronizá-los, confira no tutorial do TechTudo escrito por Thiago Bittencourt, que ensina como realizar essa importante tarefa, e cujo original pode ser encontrado no site a seguir.
http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2013/04/como-usar-google-drive-skydrive-e-dropbox-sincronizados.html

Passo 1. Caso você ainda não tenha instalado, faça o download do SkyDrive, Google Drive e Dropbox. Este último além de se limitar a 2 GB, fica mostrando uma tela cada vez que plugamos um pen drive ou um HD externo. Temos que clicar para Cancelar.
Passo 2. Para realizar a sincronização de arquivos com os três serviços ao mesmo tempo, será preciso aninhar suas respectivas pastas uma dentro das outras, conforme mostra a ilustração anterior. Dessa forma, a que possuir o maior espaço de armazenamento deverá ser a mais externa e a de menor capacidade, a mais interna. A pasta do Dropbox (o qual oferece 2 GB) ficará dentro da pasta do Google Drive (o qual oferece 5 GB). Por sua vez, as duas ficarão localizadas dentro da pasta do SkyDrive (que possui a capacidade de armazenar 7 GB).
Passo 3. Durante a instalação do SkyDrive, escolha o local onde a pasta de sincronização com o serviço ficará localizada e conclua o processo. Neste exemplo, o local escolhido foi: “C:\Users\Thiago\SkyDrive”. Eu prefiro coloca-la numa partição diferente daquela de instalação do Windows, ou seja "D:\SkyDrive" conforme mostrei na postagem anterior, pois bastaria uma pane no Windows, ou uma troca de versão que exija sua reinstalação e poderíamos perder a mesma. Na hora de fazer cópias de segurança, fica mais difícil quando nossos arquivos pessoais estão lá no C:, misturados com os arquivos de instalação do Windows (Pasta C:\Users);

 Passo 4. Ao iniciar a instalação do Google Drive, será necessário clicar na opção “Configurações avançadas” para poder informar que a pasta de sincronização com o serviço, ficará dentro da pasta do SkyDrive. Escolhemos, então, o caminho: “C:\Users\Thiago\SkyDrive\Google Drive”. Clique no botão “Iniciar sincronização”, para terminar o processo de instalação;




 Passo 5. Por último, instalaremos o Dropbox. Durante o processo, escolha a opção “Avançado”, e clique em “Seguinte”. Na próxima tela, clique no botão “Alterar”, e crie uma nova pasta chamada “Files Dropbox” dentro da pasta do Google Drive. Tal criação foi necessária, porque o Google Drive não permite instalar uma pasta de outro serviço diretamente em sua raiz. Ou seja, o diretório “Dropbox”, ficará dentro de “Files Dropbox”. A localização final ficou da seguinte forma: “C:\Users\Thiago\SkyDrive\Google Drive\Files Dropbox\Dropbox”. Clique no botão “Seguinte” para continuar com a instalação;



Passo 6.  De modo a realizar um teste de sincronização com os três serviços simultaneamente, crie dentro da pasta do Dropbox, uma outra chamada “teste”. Logo em seguida, abra seu navegador web, e acesse as contas do SkyDrive, Google Drive e Dropbox. Verifique, então, que a pasta foi criada foi sincronizada com sucesso.
Recentemente efetuei a instalação do sistema Domínio em um cliente de Rio Grande. Tive que enviar um antigo arquivo de configuração .Dom, cujo tamanho ultrapassava o permitido para encio como anexo de um e-mail. A solução foi enviá-lo fazendo upload no Google-Drive. O técnico do suporte me enviou seu e-mail e a senha de acesso por telefone.
Na página do Google escolhi a opção Drive e depois cliquei naquela seta vermelha.
Eu estava usando Drive do computador do meu cliente e nem necessitei instalar esse recurso em sua máquina.
O Drive é uma boa opção para enviarmos uma imagem .jpg ou um arquivo .doc ou .pdf, de uso muito comum entre advogados. E a melhor forma de aprender é usando esse recurso no dia a dia. Experimente em sua casa, usando seu notebook e seu desktop. Pegue um arquivo num deles e coloque-o no armazenamento em nuvem. Vá no outro e tente acessar esse arquivo. Isso pode tomar alguns minutos, mas é ótimo para aprender com a prática e uso desse recurso. Pode pedir a um familiar ou amigo para fazer isso.

Instalando e usando o Google-Drive
Abra a página www.google.com.br do Google e clique em Drive, naquela barra preta superior, conforme mostra a ilustração a seguir.
A primeira tela mostrada é a da ilustração a seguir onde temos aquele grande botão azul que possibilita fazer o download gratuito do Drive.



Na primeira vez que formos utilizar o Drive, clique no botão vermelho Criar. e depois no botão Upload com a seta para cima.
Nas próximas utilizações teremos uma relação dos arquivos armazenados e da data de utilização, conforme mostrado na ilustração anterior.


Para usar esse recurso, é necessário fazer Login no Google. Esse registro exige um E-mail (que pode ser do Terra, Gmail, Hotmail ou outro) e uma senha com o mínimo de 8 dígitos.
Poderemos incluir pessoas que poderão obter uma cópia dos arquivos armazenados indicando o seu e-mail, ao mesmo tempo que enviamos uma mensagem indicando que estamos disponibilizando esse recurso.
http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2012/10/dropbox-skydrive-e-google-drive-qual-o-servico-de-backup-mais-rapido.html
Veja nesse endereço, o Preço e outras dicas, como por exemplo o armazenamento para Celulares.


Marcadores: , , ,

terça-feira, agosto 15, 2017

Não existe muita privacidade na Internet

Não adianta viver limpando históricos de navegação e apagando os cookies. Usei o AML RegClean para fazer uma boa limpeza (Diskcleaner faz 4 tipo de limpeza).
Passei a usar o Mozilla Firefox tentando impedir que os cookies invadissem minha privacidade sem o meu consentimento e também o antivirus Kaspersky.

Navegação Privativa


O Firefox não vende o acesso à sua informação pessoal como outras empresas. Desde ferramentas de privacidade a proteção contra rastreamento, você é responsável por quem vê o que.

A Navegação Privativa do Firefox apaga automaticamente suas informações on-line como senhas, cookies e histórico do seu computador. Assim quando você fecha tudo, não deixa nenhum rastro.

Algumas páginas da web e anúncios ocultam rastreadores que coletam suas informações de navegação até quando você já saiu. Apenas a Navegação Privativa do Firefox tem proteção para bloqueá-los automaticamente.
Livre-se do peso dos rastreadores - Os rastreadores não só coletam seus dados, mas como podem pesar na velocidade da sua navegação. Apenas a Navegação Privativa do Firefox bloqueia anúncios com rastreadores ocultos, assim você livra-se da bagagem extra e navega livremente. 
Existe muita coisa sobre o assunto. Para fazer que seu PC se tranforme em uma das "máquinas mais seguras do mundo", consulte este artigo http://www.tecmundo.com.br/sistema-operacional/58213-tails-transformar-pc-seguros-mundo.htm e aprenda a usar o sistema operacional Tails.
 


Navegue anonimamente na internet com o Tor.
https://www.tecmundo.com.br/navegador/4010-navegue-anonimamente-na-internet.htm.Dentro do Firefox, clique em uma porção vazia da barra superior e escolha a opção “Personalizar”. Arraste então o ícone do “Torbutton” (com o desenho de uma cebola) para uma área qualquer da barra.

Máquina virtual? Talvez não seja uma boa ideia...



Hoje em dia é normal instalarmos sistemas operacionais dentro de máquinas virtuais, como o Oracle Virtual Box. Essa medida facilita a utilização de mais de um SO ao mesmo tempo, já que você não precisa reiniciar a máquina para isso.
Entretanto, a virtualização não permite que você se mantenha de forma completamente anônima na rede. O próprio Tails mostra um aviso referente a isso quando você inicia o sistema e indica um local para que você possa se informar a respeito do assunto. 

Marcadores: , , , , , , , ,